foto: reuters

O Estado de Israel ordenou o fechamento dos escritórios locais da rede de TV Al Jazeera neste domingo (5), aumentando a disputa entre a emissora e o governo do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.

A medida extraordinária inclui o confisco de equipamentos, impede a transmissão e bloqueia os sites da Al Jazeera, do Catar. É a primeira vez que o estado de Israel tira do ar uma emissora estrangeira.

A Al Jazeera saiu do ar do principal serviço de TV por assinatura de Israel horas após a ordem. Entretanto, seu site e outros links de streaming em diversas plataformas ainda eram acessíveis no domingo.

Neste domingo (5), policiais israelenses realizaram batida em um quarto de hotel, em Jerusalém, que era usado pela Al Jazeera como escritório. Em vídeos publicados na internet mostram policiais à paisana desmontando o circuito de câmeras do local.

A rede vinha cobrindo 24 horas por dia a guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas na Faixa de Gaza, apesar das ofensivas de Israel que mataram e feriram seus próprios funcionários.

A cobertura inclui, em sua versão em árabe, a veiculação de comunicados em vídeo do Hamas e de outros grupos militantes na região, causando a ira de Netanyahu. “Os repórteres da Al Jazeera prejudicaram a segurança de Israel e incitou contra soldados”, disse Netanyahu em um comunicado neste domingo. “É hora de retirar o porta-voz do Hamas de nosso país”.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário
Imagem do anúncio
loader-image
Paraíba, BR
09:50, 21/05/2024
temperature icon 28°C
nublado
Humidity 59 %
Pressure 1016 mb
Wind 19 Km/h
Wind Gust Wind Gust: 23 Km/h
Clouds Clouds: 69%
Visibility Visibility: 0 km
Sunrise Sunrise: 05:29
Sunset Sunset: 17:15
- Anúncio -